Chipre | 2021

A pérola escondida do Mediterrâneo

Passagem do Ano

Spots Fotográficos

As montanhas geladas de Troodos | As praias de águas cristalinas do Mediterrâneo | Os centros históricos das cidades | A mistura cultural grega e turca

Adicionar favoritos Remover dos favoritos
O Chipre é a porta para o Oriente, esse extenso mundo que nos fascina pelo seu exotismo de cores, sabores ou mesmo credos. A somar à história entre os gregos e os turcos, a arquitetura, a gastronomia e o bom povo que dá vida a esta ilha, é obrigatória a experiência da montanha e, sublinhe-se, do mar em dezembro, as suas águas, tão cristalinas e límpidas, de azul transparente, chegam aos vinte graus de temperatura, o que faz a delícia até aqueles que não morrem de amores pelo turismo balnear. São razões mais que suficientes para facilmente se perceber que o Chipre é mesmo uma pérola perdida no Mediterrâneo.

O Chipre é uma ilha com um rico, mas pesado legado histórico, de matriz vincadamente grega, com a sua Igreja Ortodoxa a dar o mote para a identidade de um povo que absorveu ao longo de séculos o que saía de Atenas, o Chipre foi território bizantino, veneziano, conquistada depois pelos otomanos, passou também pelas mãos do império inglês até à sua independência em meados do século passado. Mas, não obstante carregar hoje consigo uma cicatriz aberta pela invasão turca de 1974, que ainda ocupa ilegalmente um terço do território, a norte, o Chipre encerra em si uma espantosa mistura de culturas, faces e gastronomia que são produto das convulsões históricas desta quase “terra de ninguém”. Basta caminharmos pelas ruas de cidades como Nicósia, Limasol, entre tantos outros centros urbanos, a que se juntam aldeias remotas, escondidas timidamente por detrás de encostas escarpadas ou camufladas nas planícies para percebermos que mergulhámos num país com uma especificidade que o distingue a léguas dos outros. Sentimos séculos de História a acompanhar-nos quando entramos em pequenas igrejas bizantinas medievais milenares, que são classificadas pela UNESCO como Património da Humanidade, que brotaram ao longo dos tempos em montanhas que se julgavam inférteis como as do monte Troodos, a que se juntam depois as mesquitas e artefactos que se nota que são herança turca. OO mesmo se saboreia ao olhar para o cardápio de um restaurante, ou quando já nos estamos a deleitar com uma mezze, uma refeição à base de quase duas dezenas de pequenos petiscos diferentes.
A somar à história, arquitetura, gastronomia e o bom povo que dá vida a esta ilha, é obrigatória a experiência da montanha e, sublinhe-se, do mar. em dezembro, as suas águas, tão cristalinas e límpidas, de azul transparente, chegam aos vinte graus de temperatura, o que faz a delícia até aqueles que não morrem de amores pelo turismo balnear. Perder tempo a fazer snorkeling ou mergulho, mesmo para quem até evita pôr um pé na água ou mal sabe nadar, é, afinal, um investimento para a vida pelas boas memórias que guardaremos.

Dedicamos o primeiro dia a Protaras às suas águas mais que convidativas a dar um mergulho. Ao fim da tarde, nada como passar pelo Cape Greko para fotografar o melhor pôr-do-sol da ilha.

Na manhã seguinte teremos a oportunidade de fazer snorkeling na famosa Green Bay, um dos melhores locais do mundo para quem gosta de ver e fotografar o mundo subaquático. Há também a possibilidade de fazer mergulho, mas aconselhável, mas opcional.

Agora, é momento de partir rumo a Nicósia, a única capital do mundo amputada por um muro que divide os seus habitantes. Será obrigatória uma passagem pela chamada “green line”, a linha que serve de terra de ninguém, que as forças da ONU usam para separar aas forças militares gregas das turcas. Desde 2003 que se pode passar para a zona norte pelo que, se as condições o permitirem, faremos uma incursão por um novo território, em que usaremos a Lira Turca, sempre rodeados da bandeira vermelha e branca do eterno rival daa Grécia. Mas Nicósia tem também para oferecer uma arquitetura invejável, a que se juntam novos edifícios reabilitados com o apoio financeiro da União Europeia.

Da cidade, partimos para o campo. Melhor, para a serra, rumo às aldeias daa cordilheira do Troodos, onde fica o monte mais alto do país, o Olimpo, quase a atingir os dois metros de altura. Nesta estação, a neve costuma impor a sua presença, pelo que as verdes encostas alteram a tonalidade para mil e um tons de branco. Aldeias como Pedoulas, Omodos,
Prodromos ou mesmo o Mosteiro de Kikos, se as condições do pavimento permitirem lá chegar. Se as condições atmosféricas o permitirem, realizaremos também um trekking na montanha.

E da montanha deslizamos para o mar, em Limasol, onde celebraremos a passagem de ano, junto ao mar. Valerá também a pena visitar a estação arqueológica romana de Kourion, com uma soberba vista para as que, na altura, serão já para nós as familiares águas azuis e cristalinas que banham esta ilha.

Com a experiência fotográfica quase a chegar ao fim, ainda teremos tempo para passar por Lefkara, uma das mais pitorescas aldeias cipriotas.

Ler mais

Aeroportos

Portugal > Larnaca
Larnaca > Portugal

Destinos

Nicósia
Limassol
Protaras
Troodos
Kourion
Pedoulas
Laneia
Omodos
Green Bay

Fotografia

Paisagem
Rua
Cidade

Alojamento

Hotel
- em quarto duplo
[quarto individual
pedir cotação]

Transporte

Em veículo privado para o grupo

Esforço

Fácil

Nº Participantes

Min 6 | Máx 12

Chipre | 2021

Programa da viagem

Voo Portugal – Larnaca

Visita a praia Fig Tree Bay
Pôr-do-sol em Cape Greco

Dormida em Protaras

Pela manhã, nada como uma caminhada junto ao mar para fotografar aquelas que das mais cristalinas águas do mediterrâneo, com possibilidade de dar um mergulho na Green Bay (pode-se acrescentar Green Bay no mapa, Vítor) já que a temperatura média destas águas em dezembro ronda os vinte graus. Há a possibilidade de fazer snorkeling ou mergulho, uma atividade que se recomenda vivamente, apesar de ser opcional. No período da tarde, arrancamos para Nicósia, a capital. Deixamos, assim, por uns dias o azul do mar e seguimos para o interior do país. Depois de passarmos as sólidas muralhas venezianas, entramos em pleno centro histórico da última capital dividida do mundo, um espaço repartido entre cipriotas gregos, a sul (onde estaremos) e os turcos, a norte. Se as exigências burocráticas e sanitárias o permitirem, faremos também uma incursão pela zona norte.

Dormida em Nicósia

Visitaremos o centro histórico desta capital, com destaque para a chamada “Green line”, a zona de separação entre os territórios grego e turco, monitorizada pelas Nações Unidas, conjuntamente com ambos os exércitos que nutrem, há séculos, uma incompatibilidade histórica. Ruas com barricadas e casas abandonadas que ainda mantém sacos de areia e posições de combate fazem-nos quase acreditar que o passado aqui é mais próximo do que se julga. mas Nicósia é também presente e futuro, e com o apoio de fundos comunitários, o governo está a proceder a uma reabilitação do coração da cidade, como poderemos ver no bairro Chrysaliniotiissa, onde podemos contemplar a arquitetura tradicional deste país, com lojas de artesanato, cafés e restaurantes que dão uma nova vida a um espaço outrora palco de fortes tensões entre estes povos. Valerá a pena ver a igreja Panagia Faneromeni, a do Arcanjo Miguel ou mesmo a Panagia Chrysaliniotissa. A presença otomana também se faz aqui sentir através da mesquita Omeriye ou a casa de Hatzigeorgakis. E será obrigatória uma subida até à torre observatório Shacolas para termos uma visão a 360 graus da capital cipriota.

Dormida em Nicósia

Saída de Nicósia em direção às montanhas Troodos. Visitaremos, pelo caminho a pitoresca aldeia de Palaichori, Agros, Laneia, uma das mas fotogénicas aldeias deste país, Silikou e Lofou, onde ficaremos hospedados.

Dormida em Lofou

Saída de Lofou para fotografar o monte Troodos e o seu pico, o Monte Olimpo, nomeadamente algumas aldeias como Omodos, Pedoulas, Prodromos, ou o Mosteiro de Kikkos, caso as condições climatéricas e o pavimento o permitam.
Dormida em Lofou

Saída de Lofou e descida até ao mar, para visitar as ruínas romanas de Kourion, o antigo estádio e o Santuário de Apolo. Agora, rumo a Limasol, passaremos junto ao castelo Kolossi, o Mosteiro de São Nicolau “dos gatos”, o lago salgado e a praia Lady’s Mile. Chegada a Limasol. Passagem de ano na praia ou na praça em que a autarquia local tem preparada uma festa.

Dormida em Limasol

Visita ao centro histórico da cidade, ruínas romanas de Kourion e lago salgado.

Dormida em Limassol

Viagem de Limassol para a capital e visita a Lefkara.

Voo de regresso a Portugal.

LIDER DA VIAGEM

José Luís Santos
O acompanhamento pelo fotógrafo/viajante que idealizou a experiência fotográfica para o grupo, organizou toda a logística em conjunto com o Fotoadrenalina e parceiros, mas sobretudo vai estar contigo todos os dias para te levar aos lugares mais incríveis deste destino.

Mais detalhes sobre a viagem

Transportes

INCLUÍDO:

Dos aeroportos > hotéis > aeroportos, quando realizado em conjunto com o líder.
Veículo privado, incluindo combustível, portagens e parques de estacionamento.

NÃO INCLUÍDO:

Deslocações dentro da cidade.
Deslocamo-nos da forma mais barata dentro das cidades, a pé.

Atividades

INCLUÍDO:

Trekking no Monte Troodos.
Todos os percursos realizados com líder nas cidades, vilas e natureza.

NÃO INCLUÍDO:

Snorkeling e mergulho na Green Bay - opcional.
Vamos visitar monumentos que ficam por conta de cada um, assim como as atividades opcionais que possam surgir.
Em toda a viagem, e visitando tudo o que está previsto, podes contar com cerca de 20€ a 50€ aproximadamente.

ALOJAMENTO

INCLUÍDO:

Todas as noites referidas no programa.

NÃO INCLUÍDO:

Não aplicável.

Alimentação

INCLUÍDO:

Todos os pequenos almoços.

NÃO INCLUÍDO:

Todos os almoços e jantares.
Poderá gastar entre 10 € a 20€ aproximadamente, por refeição.

Chipre | 2021

Sobre o destino:

Moeda

Euro e Lira Turca.

MeteoROLOGIA

Entre 8ºC e 19ºC. Verifique a meteorologia nos sites oficiais. O Chipre tem um clima continental com marcadas diferenças entre as zonas montanhosas e a costa marítima. Neve permanente nos cumes será expectável nesta altura do ano, na região de Troodos (quase 2000 metros de altitude) onde as temperaturas oscilam entre 5°C e 15°C nas zonas altas. Na costa marítima 15ºC e 22ºC.

PASSAPORTE

Não é obrigatório.

Visto

Não é necessário visto para os cidadãos Portugueses.
Os cidadãos que não tenham nacionalidade Portuguesa devem verificar nas embaixadas do seu país.

Fuso HORÁRIO

+2 horas que Portugal Continental

Saúde

Deve ter sempre as suas vacinas em dia.
O seguro de viagem é obrigatório (realizado pelo Fotoadrenalina).
Informações sobre Covid-19 serão dadas mais perto da viagem.

Segurança

É um país seguro, no entanto aconselha-se os cuidados normais de segurança, sobretudo com o material fotográfico, documentação e dinheiro.

TelecomUNICAÇÕES

Chipre +357
Para Portugal +351

As 14 perguntas que devo ler antes de viajar

São para todos os que gostam de viajar. Apenas juntamos à viagem a oportunidade de fotografar.

Não, mas gostamos de juntar à viagem a oportunidade e o tempo para fotografar. Podes fotografar com um telefone ou com uma câmara reflex, mas queremos que registes o teu olhar para recordares e partilhares. É uma viagem com oportunidades fotográficas, onde podes também aprender, praticar e partilhar dúvidas, mas não é um workshop em viagem.

Partimos do princípio que sim, mas depende mais de ti do que de nós. Deves ter a capacidade de aceitar em viagem o imprevisto, o cansaço, as adversidades e relativizar os problemas que possam surgir. Deves sempre tratar bem os outros participantes e nunca falar mal deles. É importante gostares de conviver com pessoas, já que vais viver com elas 24 horas por dia. Deves ter sentido de humor, porque ajuda a tornar uma situação negativa em positiva.

Varia, os grupos são pequenos dentro das 6 a 12 pessoas. Como vais com um líder, temos de ter um mínimo de 6 pessoas.

No item da reserva, colocas o teu nome, mail e telefone e nós enviamos-te um formulário com todos os dados que precisamos para seguires viagem.

Podes comprar tu ou o Fotoadrenalina, através dos nossos parceiros (agência de viagens). Lembramos que há vantagens em comprar com os nossos parceiros, já que se houver algum problema antes ou durante a viagem, não tens de te preocupar, a agência de viagens trata de tudo. A agência de viagens cobra uma pequena taxa, mas compensa já que tens sempre o apoio e a segurança deles na gestão do voo.

Quando a viagem for confirmada pela equipa do Fotoadrenalina. Para isso, precisamos de um número mínimo de participantes, que são 6 pessoas. A partir da confirmação da viagem, enviamos um mail a todos os inscritos com a indicação dos horários dos voo do grupo e o preço do voo. Podes comprar por ti ou pelos nossos parceiros, mas têm de coincidir a hora de chegada ao destino e hora de partida do destino. Se não coincidir, as deslocações do aeroporto e o encontro com o grupo fica a cargo do participante.

Depende dos países e dos locais. Gostamos de dar “boa cama”, mas nem sempre há disponível a cama ideal. Pedimos sempre quartos com camas separadas e com quarto de banho no quarto, mas em locais mais remotos, por vezes as condições são diferentes e temos de ter a capacidade de aceitar que as condições não são iguais em todos os países do mundo. Se achas que queres mais privacidade e conforto quando vais dormir, podes pedir quarto individual, mas terás um custo extra associado (pede cotação ao Fotoadrenalina).

Após a inscrição e do formulário preenchido deves fazer o pagamento de 10% do valor total da viagem (excluindo os voos) Assim que a viagem seja confirmada pelo Fotoadrenalina, com o número mínimo, pedimos a todos os inscritos mais 15% do valor total e passamos a accionar os voos. Os restantes 75% do valor total é pedido 1 mês antes da data da viagem.

Sim, em todas as viagens é obrigatório fazer um seguro em viagem para o grupo. O seguro em viagem não paga tudo ou qualquer coisa (ver as condições da apólice). É preciso sempre o relatório do incidente e o comprovativo da despesa. O líder avisará a equipa do Fotoadrenalina em Portugal, que entrará em contacto com a seguradora para fazer todo o acompanhamento (não precisas de te preocupar). O seguro em viagem do Fotoadrenalina incluí situações de COVID-19, mas não de outra pandemia. Podes fazer para as datas da viagem, mas podes também fazer seguro de cancelamento da viagem, mesmo em situações de dares positivo ao Covid-19, antes da viagem. (Ver condições). Deve avisar o Fotoadrenalina se queres o seguro de cancelamento da viagem, para ser accionado ao mesmo tempo que o voo.

Até haver melhores notícias, todos os participantes têm de ter sempre máscaras e álcool gel durante toda a viagem. Nas caminhadas é opcional o uso de máscara, mas no quarto de hotel é obrigatório, exceto para dormir. Cada país e cada viagem têm condições diferentes de entrada, mas é enviada informação para cada viagem aos participantes após a inscrição. Há seguro de cancelamento de viagem e durante a viagem com condições específicas de covid-19.

Podes desistir até a viagem estar confirmada e serão devolvidos os 10% pagos. Quando a viagem está confirmada, vamos pedir mais 15% e vamos também accionar os voos. A partir daqui será mais difícil reaveres o teu dinheiro, visto os voos são não reembolsáveis e já temos acordos com os parceiros (alojamento, atividades, etc). Os 25% já pagos ao Fotoadrenalina, só devolvemos em voucher, com validade de 1 ano para gastares em qualquer viagem. Os restantes 75% da viagem só são pagos 1 mês antes da viagem, mas se desistires após essa data, serão cobrados todos os serviços de terceiros já pagos. O restante não cobrado pelos parceiros será devolvido em voucher para gastares no prazo de 1 ano.

Todos os valores pagos serão devolvidos se for o Fotoadrenalina a desistir da viagem. Se a viagem for cancelada por motivos externos ao Fotoadrenalina, por exemplo em caso de uma pandemia, guerras, greves ou pelas entidades oficiais dos países, tentaremos com os parceiros a devolução do dinheiro, mas se não for possível, emitimos um voucher nos valores não cobrados com validade de 1 ano. Aconselhamos a todos os participantes fazerem seguro de cancelamento de viagem (ver condições).

É melhor sempre enviar um mail para ficar registado e por escrito: info@fotoadrenalina.com Se for algo simples e/ou urgente podes enviar mensagem pelo WhatsApp ou ligar 916222009.

OUTROS DESTINOS que também vais gostar...

ÚLTIMOS LUGARES!
NOVIDADE!

Caminito del Rey e Ronda | 2021

o maior desfiladeiro da europa

2 a 5 de Outubro | 4 dias

ESGOTADO!
ÚLTIMOS LUGARES!
NOVIDADE!

Egito | 2021

na terra dos Faraós

22 a 31 Outubro | 10 dias
31 de Outubro a 4 Novembro | 5 dias

ESGOTADO!
ÚLTIMOS LUGARES!
NOVIDADE!

Marraquexe, Casablanca e Essauouira | 2021

as três cidades mágicas de Marrocos

01 a 05 outubro | 5 dias

ESGOTADO!
ÚLTIMOS LUGARES!
NOVIDADE!

Rússia | 2021

na terra dos czares

06 a 13 novembro | 8 dias

ESGOTADO!
ÚLTIMOS LUGARES!
NOVIDADE!

Paris Photo | 2021

Street Photography

11 a 14 novembro | 4 dias

ESGOTADO!
ÚLTIMOS LUGARES!
NOVIDADE!

Lapónia e Ilhas Lofoten | 2021

viagem ao circulo polar ártico

27 Novembro a 5 Dezembro | 9 dias

ESGOTADO!
ÚLTIMOS LUGARES!
NOVIDADE!

Picos da Europa | 2021

as paisagens da alta montanha

08 a 11 dezembro | 4 dias

ESGOTADO!
ÚLTIMOS LUGARES!
NOVIDADE!

Japão – passagem de ano | 2021

Ao encontro do Sol Nascente

26 dezembro a 10 janeiro | 16 dias

ESGOTADO!
ÚLTIMOS LUGARES!
NOVIDADE!

Jordânia – passagem de ano | 2021

a pérola do médio oriente

27 dezembro a 03 janeiro | 8 dias

ESGOTADO!
ÚLTIMOS LUGARES!
NOVIDADE!

Nova Zelândia | 2022

the Lord of Beauty

11 a 30 janeiro | 20 dias

ESGOTADO!
ÚLTIMOS LUGARES!
NOVIDADE!

Indonésia | 2022

entre a terra e o paraíso

15 a 30 de Janeiro | 16 dias

ESGOTADO!
ÚLTIMOS LUGARES!
NOVIDADE!

São Tomé | 2022

Na rota do leve-leve*

15 a 23 de Janeiro | 9 dias | São Tomé
22 a 29 de Janeiro | 8dias | Ilha do Príncipe

ESGOTADO!
ÚLTIMOS LUGARES!
NOVIDADE!

Egito | 2022

na terra dos Faraós

25 de Fevereiro a 6 de Março | 10 dias
6 a 10 de Março | 5 dias

ESGOTADO!
ÚLTIMOS LUGARES!
NOVIDADE!

Sri Lanka | 2022

À descoberta da Taprobana

5 a 19 de Fevereiro | 15 dias

ESGOTADO!
ÚLTIMOS LUGARES!
NOVIDADE!

Malásia e Singapura | 2022

das grandes metrópoles à exuberante natureza

6 a 21 de Fevereiro | 16 dias

ESGOTADO!
ÚLTIMOS LUGARES!
NOVIDADE!

Patagónia, Terra do Fogo | 2022

Do Chile à Argentina

26 de Fevereiro a 18 de Março | 16 dias

ESGOTADO!
ÚLTIMOS LUGARES!
NOVIDADE!

Marrocos | 2022

do norte ao deserto

13 a 24 Março | 12 dias

ESGOTADO!
ÚLTIMOS LUGARES!
NOVIDADE!

Lapónia e Ilhas Lofoten | 2022

viagem ao circulo polar ártico

26 de Fevereiro a 6 de Março | 9 dias

ESGOTADO!
ÚLTIMOS LUGARES!
NOVIDADE!

Namíbia e Botswana | 2022

a grande aventura africana em 4X4

19 de Março a 3 de Abril | 16 dias

ESGOTADO!
ÚLTIMOS LUGARES!
NOVIDADE!

Açores – 5 ilhas | 2022

As 5 ilhas: Faial, Pico, São Jorge + Flores e Corvo

3 ilhas - 18 a 25 de Junho | 8 dias
2 ilhas - 25 a 29 de Junho | 5 dias

ESGOTADO!

Ao submeter o seu email irá receber comunicações promocionais do Fotoadrenalina via email. Pode cancelar quando quiser.

PARCEIRO OFICIAL

RESERVA DE VIAGEM

Chipre | 2021

Valor para reservar: (10% do valor total) 88,50€
Valor total: 885,00€

RESERVA AGORA, PAGA SÓ QUANDO FORES VIAJAR.

O Fotoadrenalina anulou qualquer pagamento de quem se inscreve numa viagem.

O pedido dos  valores da viagem só será feito quando tivermos a confirmação, por parte das entidades oficiais, que a viagem se vai realizar .

RESERVAS SEM STRESS e SEM CUSTOS!

 

 

×